Gazeta Carajás - O genuíno portal de notícias do sul e sudeste do Pará

MENU

Notícias / Geral

“Lôdo” revela as camadas da obra de Antônio Botelho em sua primeira exposição individual

“Lôdo” será a primeira exposição individual de Antônio Botelho em seus quase 70 anos de vida e será realizada em Marabá

“Lôdo” revela as camadas da obra de Antônio Botelho em sua primeira exposição individual
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Quantas vezes já nos pegamos olhando os efeitos do tempo e da natureza, imaginando formas ao longe ou bem abaixo dos nossos pés? O artista Antônio Botelho nos mostrará o resultado do seu olhar pessoal, expresso em um conjunto de obras reunidas na Exposição “Lôdo”, cuja abertura irá ocorrer na quinta-feira (20/04), às 19h, na sede do Pontal - Instituto Cultural em Marabá.

“Lôdo” será a primeira exposição individual de Antônio Botelho, em seus quase 70 anos de vida. As mutáveis imagens nascidas e reveladas entre as grossas camadas de lodo, impregnado no corredor lateral de residência inspiram o artista, que reúne na mostra desenhos, pinturas, fotografias e esculturas. O conjunto panorâmico de sua produção na exposição conta com cerca de 30 obras, do início dos anos 80, até sua mais recente produção.

De acordo com Botelho, o estado pandêmico da Covid-19 o direcionou a observar, nos últimos dois anos, as superfícies do muro em torno de sua casa, tendo ali um repertório a dialogar com suas memórias. Os objetos de observação do artista o inspiram e revelam em sua obra imagens que interligam o seu lugar íntimo com a criação artística.

Publicidade

“A minha casa mora entre a rua e o quintal, interligados por um úmido corredor umbilical”, afirma Antonio Botelho, que voltou seu olhar para sua casa no isolamento, o que também aflorou sua produção artística. Um novo processo, impregnado de signos, se iniciou e resultou num conjunto de obras inéditas, na linguagem de desenho em tela e papel paraná, utilizando lápis de cera e grafite.

 

PRIMEIRA MOSTRA

A mostra conta com organização de Marcone Moreira, que reuniu um conjunto representativo da trajetória do artista para a exposição. “Botelho sempre foi uma referência para o movimento cultural da região. Se empenhou em estimular o fazer de outros artistas, muitas vezes não priorizando sua produção, para apoiar a coletividade”, comenta o organizador, que acredita que a exposição será uma excelente oportunidade para se conhecer a singularidade poética construída por Antônio Botelho.

A iniciativa da exposição “Lôdo” conta com a parceria da Prefeitura Municipal de Marabá, por meio do Termo de Fomento Nº52/2022, oriundo da Emenda Parlamentar do Vereador Márcio do São Félix. A mostra conta ainda com o apoio da Tallentus Amazônia e GAM – Ponto de Cultura. A entrada é gratuita e a visitação ocorre de 21/04 a 20/05.

 

CARREIRA

Antônio Botelho é artista visual, arte-educador e precursor dos movimentos artísticos culturais na região sudeste do Pará. Foi fundador e presidente da Associação dos Artistas Visuais do Sul e Sudeste do Pará. Griô Aprendiz reconhecido pelo Ministério da Cultura do Brasil. Gestor do GAM Ponto de Cultura, ganhando Prêmio Asas 2009, pela excelência em gestão de projetos socioculturais. Foi coordenador da Rede Carajás de Cooperação Cultural; membro do Fórum Permanente de Cultura, Arte e Cidadania de Marabá; membro do Conselho Nacional de Políticas Culturais–Setorial de Artes Visuais. Atualmente é vice-presidente da Associação dos Artistas Visuais do Sul e Sudeste do Pará. (Texto: Deize Botelho. Fotos: Marcone Moreira)

 

SERVIÇO:

Abertura da Exposição “Lôdo”, de Antônio Botelho

Data: Quinta-feira (20/04)

Horário: 19h

Local: Pontal - Instituto Cultural (Av. 2000, Quadra 93, Lote 16b, bairro Belo Horizonte, Marabá)

Comentários:

Kleysykennyson Carneiro

Publicado por:

Kleysykennyson Carneiro

Saiba Mais

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!