Gazeta Carajás - O genuíno portal de notícias do sul e sudeste do Pará

MENU

Notícias / Negócios

Engenheiro Igor Ribeiro fala sobre expansão da Ecoterra Consultoria na região

Referência em consultoria agroambiental e ecoturismo no sul e sudeste do Pará, Ecoterra passa a atender clientes em novo espaço. Expansão é estratégica e visa consolidar empresa no mercado

Engenheiro Igor Ribeiro fala sobre expansão da Ecoterra Consultoria na região
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Foi com muita alegria e emoção que o engenheiro ambiental Igor Ribeiro inaugurou o novo escritório da Ecoterra em Canaã dos Carajás. O evento, que reuniu amigos, clientes e empresários de Canaã e região, foi realizado no início da noite de quarta (29). A nova sede da Ecoterra fica localizada na Rua Evandro Chagas, número 192, bairro Vale Verde.

Mas muito se engana quem pensa que a nova etapa da Ecoterra Consultoria é apenas a inauguração de um escritório. Na verdade, o projeto trata de um ousado plano de expansão comercial e empresarial conduzido por Igor Ribeiro e sua equipe. A Ecoterra, que já é referência em consultoria agroambiental e ecoturismo no sul e sudeste do Pará, pretende alçar voos ainda mais altos, conforme contou Igor em entrevista inédita ao Gazeta Carajás.

O engenheiro também falou ao Gazeta sobre sua história de vida e destacou um pouco de sua caminhada de sucesso profissional e empresarial. Igor nasceu em Canaã dos Carajás quando o lugar ainda era Vila Cedere II. Filho de professora e de família pioneira, passou em primeiro lugar no curso de Agronomia no Instituto Federal do Tocantins (IFTO) e em segundo para Engenharia Florestal na Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) em Parauapebas, mas escolheu Engenharia Ambiental na UEPA em Marabá, curso que também foi aprovado com louvor.

Publicidade
Com novo escritório inaugurado, Ecoterra visa expansão de negócios

 

Agora engenheiro formado, Igor retornou a Canaã em 2018, sendo contratado como auditor ambiental na Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Canaã, analisando processos de licenciamento ambiental. Igor também foi gestor do Parque Veredas, onde pôde acompanhar um pouco do projeto de recuperação ambiental da área e programas de visitação.

Em 2020, recebeu uma proposta para trabalhar como engenheiro ambiental da empresa que estava executando as obras do PROSAP em Parauapebas. No município, ele teve a oportunidade de trabalhar como analista ambiental na Semma de Parauapebas, realizando projetos de recuperação de nascentes, Cadastro Ambiental Rural (CAR) até o final de 2022. Paralelo a tudo isso, foi inspetor do CREA-PA em Canaã dos Carajás e Presidente da Associação dos Engenheiros Ambientais do Sul e Sudeste do Pará (AEASPA). E foi em Parauapebas que Igor enxergou oportunidades.

Confira a entrevista na íntegra com o engenheiro.

GC: Como surgiu a Ecoterra?

IR: Quando encerrou o contrato em Parauapebas, eu já via alguns escritórios de consultoria ambiental prestando esses serviços em Parauapebas e Marabá. Vi que Canaã ainda não tinha esse tipo de serviço especializado. Somente consultores autônomos, que geralmente eram de outras cidades e priorizava as grandes empresas e obras de grande porte. Percebi então uma vasta demanda para área de licenciamento ambiental de pequenos empreendimentos com postos de combustíveis, oficinas, lava jatos, clínicas, laticínios, frigoríficos e propriedades rurais. Sentimos que era o momento de ingressarmos nesse mercado e nos lançamos oficialmente no mercado participando da Fenecan 2023. Lá, pudemos conhecer de fato o potencial de Canaã dos Carajás para o empreendedorismo.

GC: Qual o foco de trabalho da Ecoterra?

IR: Oferecer serviços de consultoria ambiental e soluções em projetos e estudos técnicos para empreendimentos urbanos e rurais que buscam sua regularização ambiental através do Licenciamento Ambiental, Autorizações Ambientais, Cumprimento de Condicionantes Ambientais, Projetos Agropecuários, Outorgas de Recursos Hídricos, Gestão de Resíduos Sólidos e ainda almeja agregar serviços de ecoturismo.

GC: Qual a missão de existência da Ecoterra?

IR: A nossa Missão é traduzir o desenvolvimento sustentável em ações práticas de gestão ambiental nos empreendimentos atendidos pelos nossos serviços.

GC: Qual a sua visão de mercado? Onde você acredita que a Ecoterra pode chegar?

IR: Considerando que estamos no ceio da Amazônia, em um município próspero e em constante crescimento, a Ecoterra busca ser referência no licenciamento de empreendimentos não só os de impacto local como citados anteriormente. Almejamos atendar grandes projetos de mineração, obras de infraestruturas que já estão com projeções certas para Canaã.

GC: Sua empresa está iniciando uma nova etapa, com a inauguração do escritório, explique por favor a importância dessa etapa e do que ela trata.

IR: O engenheiro ambiental tem a flexibilidade de atender de forma autônoma na própria empresa do cliente. Buscando oferecer um atendimento diferenciado, mais próximo do cliente e com a possibilidade de projetar mapas, consultas em bases de dados em tempo de real, o diagnóstico do empreendimento se torna mais assertivo. A gestão das licenças e documentos em um só local se torna mais efetiva.

GC: A Ecoterra existe para atender que tipo de público?

IR: O público-alvo dos nossos serviços e todo empreendimento, projetos e empresas cuja suas atividades causam impactos seja ambiental, social e econômico e assegurados por lei precisam se regularizar perante aos órgãos ambientais municipais, estaduais e federais. Exemplos: obras de infraestruturas como loteamentos, rodovias, fábricas e indústrias como usinas de asfaltos, laticínios, mineradoras, frigoríficos e propriedades rurais.

GC: Nesse momento de expansão de serviços, as dificuldades existem, mas você as enxerga como oportunidade de crescimento?

IR: Os desafios fazem parte do crescimento, portanto enfrentá-los trará experiencia e consequentemente o aprendizado.  Nós oferecemos um atendimento humanizado diante das dificuldades dos nossos clientes, pois eles sempre serão nossos principais parceiros. Sabemos que os desafios sempre vão existir, porém sabemos que, através deles, nos tornaremos mais fortes e preparados.

GC: E qual mensagem você deixa para Canaã, Parauapebas e região?

IR: A Ecoterra se lança no mercado confiante no potencial de Canaã dos Carajás e Parauapebas e também de toda região sudeste paraense. O espaço físico da Ecoterra abriu esse ano, mas já são seis anos de experiência na área de licenciamento e gestão ambiental, desde sempre sabemos que sozinho não vamos a lugar nenhum, contamos com uma boa relação nos órgãos ambientais os quais pude trabalhar, temos parcerias com outros profissionais da área de agronomia, geologia, engenharia de minas e florestal. O nosso intuito é oferecer serviços de qualidade com compromisso com as legislações ambientais e promover de fato o desenvolvimento sustentável da nossa região.

 

Confira aqui mais fotos da inauguração da Ecoterra

 

Comentários:

Kleysykennyson Carneiro

Publicado por:0

Kleysykennyson Carneiro

Saiba Mais

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!