Gazeta Carajás - O genuíno portal de notícias do sul e sudeste do Pará

Domingo, 16 de Junho de 2024
MENU

Notícias / Mineração

Canaã: Vale estuda dar férias coletivas para 500 trabalhadores do Sossego

Licença de Operação do projeto está suspensa desde 15 de abril. Vale trava batalha judicial para reaver licença, mas sem sucesso até o momento. Em Ourilândia, 108 entram em férias coletivas no próximo dia 23

Canaã: Vale estuda dar férias coletivas para 500 trabalhadores do Sossego
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Gazeta Carajás apurou que a mineradora Vale estuda dar férias coletivas para 500 trabalhadores que atuam no Projeto Sossego, localizado em Canaã dos Carajás. As férias teriam início já no dia 1º de junho e se estenderiam até o começo de julho. A reportagem procurou a Vale, que não confirmou a informação das férias, mas enviou nota afirmando que está avaliando medidas.

A medida seria adotada por conta da atual situação jurídica do projeto, que está com a Licença de Operação cassada desde o dia 15 de abril. A Vale trava uma batalha judicial para legalizar o projeto, mas sem sucesso até aqui. A licença do Sossego foi embargada pela Secretaria de Meio Ambiente do Pará.

O mesmo já aconteceu com o Projeto Onça Puma, em Ourilândia do Norte. A empresa decidiu dar férias coletivas a 108 trabalhadores. Estas terão início no dia 23 de maio e terão a duração de 30 dias.

A expectativa é que durante o período haja uma solução para o problema da licença. Do contrário, há chances de uma demissão em massa.

Confira nota da Vale à redação:

A empresa Salobo Metais avalia que medidas deverão ser adotadas no caso das operações do Sossego diante do cenário atual, em razão da suspensão da licença de sua mina.

Comentários:

Kleysykennyson Carneiro

Publicado por:

Kleysykennyson Carneiro

Saiba Mais

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!